Concurso DPE MS 2021 – Vagas para defensor público substituto!

O Edital do Concurso DPE MS 2021 foi publicado. Confira detalhes!

 

O concurso público da Defensoria Pública do Estado do Mato Grosso do Sul está oferecendo vagas imediatas além do cadastro de reserva para o cargo de Defensor Público Substituto. O certame é de responsabilidade da banca organizadora FGV.

 

Concurso DPE MS 2021

 

Cargos e Vagas para o Concurso DPE MS 2021

O edital publicado divulgou um total de 07 vagas imediatas, além de cadastro reserva para o cargo de Defensor Público Substituto.

Para ingressar na carreira de Defensor Público, o candidato precisa possuir diploma devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em bacharelado de direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação – MEC – e haver exercido, no mínimo, 3 anos de atividade jurídica.

Os aprovados no concurso irão ingressar no cargo de Defensor Público Substituto e farão jus a um subsídio no valor de R$ 28.884,20. A progressão salarial também é bastante atrativa.

 

Inscrições para o Concurso

As inscrições podem ser feitas no endereço eletrônico da FGV, e vão do dia 13 de setembro ao dia 18 de novembro de 2021. Além disso, será preciso pagar a taxa de inscrição no valor de R$ 250,00.

 

Etapas de Provas do Concurso

Os candidatos inscritos no Concurso DPE MS Defensor serão avaliados por meio de 5 etapas: Prova Preambular Objetiva (eliminatória e classificatório); Prova Escrita Subjetiva (eliminatória e classificatória); Investigação Social (eliminatória); Provas Orais (eliminatória e classificatória); Avaliação de títulos (classificatória).

Conheça as etapas do Concurso DPE MS Defensor, abaixo:

  1. Prova Objetiva
  2. Prova Discursiva
  3. Investigação Social
  4. Prova Oral
  5. Avaliação de Títulos

Prova objetiva

Todas as etapas do concurso público serão realizadas na cidade de Campo Grande MS.  A prova preambular objetiva do Concurso DPE MS Defensor, com duração de 4 (quatro) horas, já incluído o tempo destinado ao preenchimento da Folha de Respostas, será aplicada no dia 30 de janeiro de 2022 e vai conter 100 (cem) questões de múltipla escolha, podendo versar sobre toda e qualquer matéria do conteúdo programático constante no edital.

Prova discursiva

A prova escrita subjetiva teórica do Concurso DPE MS Defensor será composta de 10 (cinco) questões teóricas, podendo versar sobre toda e qualquer matéria do conteúdo programático.

A prova escrita subjetiva teórica terá o valor de 0 (zero) a 10 (dez) pontos, sendo que cada uma das 10 (dez) questões teóricas poderá valer até 1 (um) pontos e a nota desta prova será a soma da pontuação obtida em cada uma das questões.

Na resolução das questões teóricas o candidato precisou elaborar textos escritos de até 50 (cinquenta) linhas em cada uma das questões.

A prova escrita subjetiva prática consistiu na lavratura de 2 (duas) peças jurídicas escritas, podendo versar sobre toda e qualquer matéria do conteúdo programático.

A prova escrita subjetiva prática valerá até 10 (dez) pontos, sendo que cada uma das 2 (duas) peças escritas, individualmente, terá o valor de até 5 (cinco) pontos e a nota desta prova será a soma simples da pontuação obtida em cada uma das peças escritas.

Nesta segunda etapa, só terá corrigida a prova quem obtiver nota igual ou superior a 5,0 (cinco) na primeira prova dissertativa.

Investigação social

O Presidente da Comissão de Concurso solicitará à Corregedoria-Geral da Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso do Sul que promova investigações em caráter sigiloso objetivando colher informações sobre idoneidade moral, educação, sociabilidade, atividade profissional, conduta familiar e social dos candidatos.

Prova oral

As provas orais do Concurso DPE MS Defensor serão divididas em duas etapas: arguição e tribuna.

A arguição terá a duração total de 30 minutos e versará sobre qualquer conteúdo do material programático e a pontuação irá variar em uma escala de 0 a 10 pontos.

A prova oral de tribuna terá duração de 30 minutos, e a pontuação poderá variar entre 0 e 10 pontos e avaliou os candidatos de acordo com os seguintes critérios:

  • Tese apresentada e poder de convencimento;
  • Domínio do conhecimento jurídico;
  • Articulação de raciocínio;
  • Postura e capacidade de oratória;
  • Qualidades de comunicação oral;
  • Capacidade de conclusão e encerramento da apresentação.

Avaliação de Títulos

Na última etapa do Concurso DPE MS Defensor, os candidatos vão ter os seus títulos avaliados, podendo pontuar livremente em itens cumulativos, no entanto, a nota máxima nesta prova será, invariavelmente, de até 1 pontos, cada título será considerado uma única vez.

Constituíram títulos para as finalidades deste Concurso Público:

  1. título de doutor(a) conferido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação – 0,5 ponto;
  2. título de mestre conferido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação – 0,3 ponto;
  3. certificado de conclusão de curso de especialização, conferido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, com carga horária mínima de 360 horas-aula – 0,2 ponto;
  4. Publicação de livro jurídico de autoria exclusiva do(a) candidato(a) com apreciável conteúdo jurídico, editado por Instituições de Ensino Superior ou editoras comerciais e apresentados normalmente no comércio – 0,2 ponto;
  5. publicação de obras ou artigos em revistas, boletins, periódicos e sítios da internet com notório reconhecimento acadêmico-profissional, de obras intelectuais de conteúdo jurídico ou com afinidade com os princípios e as atribuições institucionais da Defensoria Pública do Estado – 0,05 ponto, até o máximo de 0,2 ponto;
  6. o exercício efetivo da advocacia, como advogado regularmente inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), pelo período mínimo de 3 (três) anos: 0,15 ponto;
  7. aprovação em Concurso Público para seleção de membros da Defensoria Pública, Magistratura, Ministério Público, Advocacia-Geral da União e de Procuradorias de qualquer órgão ou entidade da Administração Pública direta ou indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios: 0,15 ponto, até o limite de 0,30 ponto;
  8. exercício de serviço voluntário na Defensoria Pública mediante certidão da respectiva Corregedoria Geral – 0,05 por ano de serviço, até o máximo de 0,1 ponto.

Último Concurso do DPE MS foi em 2014

O último Concurso da Defensoria Pública do Estado do Mato Grosso do Sul ocorreu em 2014. A oferta inicial foi de 35 vagas para o cargo de Defensor Público na classe de Defensor Público Substituto. Além disso, a remuneração ofertada foi bastante atrativa, R$ 15.958,13.

 

Curso Preparatório para o Concurso DPE MS 2021

Concursos da Defensoria Pública Estadual são sempre muito concorridos. Acaba sendo inevitável não se preparar adequadamente. Portanto, para quem quiser uma boa colocação neste concurso eu aconselho um Curso Preparatório para Concursos Online, mais especificamente o Gran Cursos Online.

Antes de mais nada, se você não conhece o Gran Cursos, veja esta postagem: Gran Cursos É bom?

 

Resumo do Concurso
  • Concurso: Defensoria Pública do Estado do Mato Grosso do Sul (DPE MS)
  • Data de Inscrição: De 13 de Setembro a 18 de Novembro de 2021
  • Data das Provas: 30 de Janeiro de 2022
  • Escolaridade: Nível Superior
  • Número de Vagas: 07 vagas + cadastro reserva
  • Remuneração: R$ 28.884,20
  • Banca Examinadora: Fundação Getúlio Vargas – FGV

Via Gran Cursos Online

 

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + 8 =