Concurso da Polícia Federal 2021 – Edital cm 1.500 vagas!

As vagas do concurso da Polícia Federal 2021 são destinadas aos cargos de Agente, Escrivão, Papiloscopista e Delegado; Provas no dia 21 de março.

 

Foi divulgado no Diário Oficial da União desta sexta-feira, 15 de janeiro, o novo edital de concurso público da Polícia Federal (Concurso PF 2021) para o preenchimento de 1.500 vagas em cargos de nível superior. Segundo o documento publicado, os salários poderão chegar a até R$24.150,74, de acordo com a carreira.

 

Concurso da POLÍCIA FEDERAL 2021

 

Cargos e Vagas do Concurso da Polícia Federal 2021

As vagas do concurso da Polícia Federal 2021 são destinadas aos cargos de Agente de Polícia (893), Escrivão de Polícia (400), Papiloscopista (84) e Delegado (123).

A jornada de trabalho será de até 40 horas semanais. O preenchimento de vagas acontecerá em formato nacional, sem distribuição por cada região do país. Sendo assim, a corporação vai realizar a lotação dos candidatos de acordo com suas necessidades. A Região Norte e as faixas de fronteira devem ser o destino da maioria dos candidatos aprovados.

 

Requisitos dos Cargos do Concurso PF 2021

CARGO: DELEGADO DE POLÍCIA FEDERAL

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de bacharel em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), e comprovação de três anos de atividade jurídica ou policial.

REMUNERAÇÃO: R$ 23.692,74.

JORNADA DE TRABALHO: 40 horas semanais em regime de tempo integral e com dedicação exclusiva.

 

CARGO: AGENTE DE POLÍCIA FEDERAL

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior em nível de graduação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

REMUNERAÇÃO: R$ 12.522,50.

JORNADA DE TRABALHO: 40 horas semanais em regime de tempo integral e com dedicação exclusiva.

 

CARGO: ESCRIVÃO DE POLÍCIA FEDERAL

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior em nível de graduação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

REMUNERAÇÃO: R$ 12.522,50.

JORNADA DE TRABALHO: 40 horas semanais em regime de tempo integral e com dedicação exclusiva.

 

CARGO: PAPILOSCOPISTA POLICIAL FEDERAL

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior em nível de graduação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

REMUNERAÇÃO: R$ 12.522,50.

JORNADA DE TRABALHO: 40 horas semanais em regime de tempo integral e com dedicação exclusiva.

Para todos os cargos será exigida a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

 

Inscrição Concurso Polícia Federal 2021

Os interessados em concorrer a uma das vagas no concurso da Polícia Federal 2021 poderão se inscrever entre 22 de janeiro e 09 de fevereiro de 2021, no site do Cebraspe. A taxa de inscrição vai custar:

  • Agente – R$180
  • Escrivão – R$180
  • Papiloscopista – R$180
  • Delegado – R$250

A taxa de inscrição poderá ser paga até 3 de março, sendo que o pagamento deverá ser feito por meio de Guia de Recolhimento da União, em qualquer banco.

Além disso, candidatos inscritos no programa CadÚnico, membros de família baixa renda ou doadores de medula óssea, poderão solicitar isenção do valor durante todo o período de inscrição. Os concorrentes deverão enviar a documentação comprobatória.

 

Etapas do Concurso da PF 2021

concurso da Polícia Federal 2021 será regido por este edital e executado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e pela Polícia Federal. A seleção para os cargos de que trata este edital compreenderá as seguintes etapas, conforme especificado a seguir:

A primeira etapa do concurso público destina-se à admissão à matrícula no Curso de Formação Profissional e abrangerá as seguintes fases, de responsabilidade do Cebraspe:

  1. prova objetiva, para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório;
  2. prova discursiva, para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório;
  3. exame de aptidão física, para todos os cargos, de caráter eliminatório;
  4. avaliação médica, para todos os cargos, de caráter eliminatório;
  5. prova oral, somente para o cargo de Delegado de Polícia Federal, de caráter eliminatório e classificatório;
  6. prova prática de digitação, somente para o cargo de Escrivão de Polícia Federal, de caráter eliminatório;
  7. avaliação de títulos, somente para o cargo de Delegado de Polícia Federal, de caráter classificatório; e
  8. primeiro momento da avaliação psicológica, para todos os cargos, sem caráter eliminatório.

A segunda etapa do concurso público consistirá de curso de formação profissional, de caráter eliminatório, de responsabilidade da Academia Nacional de Polícia, a ser realizado no Distrito Federal, podendo ser desenvolvidas atividades, a critério da Administração, em qualquer unidade da Federação.

Durante a execução da segunda etapa do concurso público, Curso de Formação Profissional, será realizado o segundo momento da avaliação psicológica, de caráter eliminatório, de responsabilidade do Cebraspe, que atuará sob supervisão da Polícia Federal.

A prova objetiva, a prova discursiva, o exame de aptidão física, a prova prática de digitação, a avaliação médica, o primeiro momento da avaliação psicológica, a avaliação de títulos, para todos os candidatos, bem como o procedimento de heteroidentificação dos candidatos que se autodeclararem negros e a avaliação biopsicossocial dos candidatos que se declararem com deficiência serão realizados em todas as capitais e no Distrito Federal.

A prova oral, aplicada apenas para o cargo de Delegado de Polícia Federal, será realizada somente em Brasília/DF.

Provas Objetiva e Discursiva

concurso da Polícia Federal 2021 vai contar com provas objetivas e discursivas no dia 21 de março de 2021 (domingo). Os exames vão acontecer em todas as capitais, conforme os novos locais de acordo com a demanda de inscritos.

A prova será de caráter eliminatório e classificatório. Todos os cargos terão provas aplicadas no mesmo dia e horário.

A avaliação objetiva vai contar com 120 questões, distribuídas entre as disciplinas de Conhecimentos Gerais e Específicos, de acordo com cada cargo. A avaliação será no estilo Certo ou Errado, tradicional do Cebraspe.

Para agente, escrivão e papiloscopista a avaliação será dividida por três blocos da seguinte forma:

Prova objetiva do agente

Bloco I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística e Raciocínio Lógico.

Bloco II, com 36 questões: Informática

Bloco III, com 24 questões: Contabilidade Geral

Prova objetiva do escrivão

Bloco I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística e Raciocínio Lógico.

Bloco II, com 36 questões: Informática

Bloco III, com 24 questões: Contabilidade Geral e Arquivologia

Prova objetiva do papiloscopista:

Bloco I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística e Raciocínio Lógico.

Bloco II, com 36 questões: Informática.

Bloco III, com 24 questões: Biologia, Física e Química.

Critérios de Avaliação

De acordo com o edital da PF 2021, será aprovado na prova objetiva de agente, escrivão e papiloscopista o candidato que obtiver pelo menos 48 pontos na prova, além de, no mínimo, seis pontos no bloco I, três no bloco II e dois no bloco III.

Para o cargo de Delegado, serão cobradas 120 questões na prova objetiva de Direito Administrativo Direito Constitucional, Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Empresarial, Direito Internacional Público e Cooperação Internacional, Direito Penal, Direito Processual Penal, Criminologia, Direito Previdenciário, Direito Financeiro e Tributário.

Será aprovado na objetiva do delegado o candidato que obtiver pelo menos 48 pontos na prova. O resultado da avaliação objetiva está previsto para 9 de abril.

O exame discursivo também vai variar de acordo com a carreira. Todos os cargos, exceto o delegado, realizarão um texto dissertativo de no máximo 30 linhas. O delegado, por sua vez, terá pela frente três questões dissertativas e a elaboração de peça profissional.

Provas Discursivas

O edital de concurso da Polícia Federal terá um quantitativo considerável de provas discursivas corrigidas. De acordo com o edital do concurso, serão 4.507 provas discursivas corrigidas, se somados todos os quatro cargos, sendo:

Agente – 2.675 provas corrigidas
Escrivão – 1.200 provas corrigidas
Delegado – 376 provas corrigidas
Papiloscopista – 256 provas corrigidas

Teste de Aptidão Física (TAF) do concurso PF 2021

O teste físico do concurso PF será obrigatório para todos os candidatos e terá caráter eliminatório. Vale destacar que somente serão convocados os aprovados na prova discursiva.

O exame está previsto para ser realizado nos dias 1 e 2 de maio. Veja o que será cobrado:

  • Teste em barra fixa;
  • Teste de impulsão horizontal;
  • Teste de natação (50 metros);
  • Teste de corrida de 12 minutos.

Curso para o Concurso da Polícia Federal 2021

Concursos de prefeituras são sempre muito concorridos. Acaba sendo inevitável não se preparar adequadamente. Portanto, para quem quiser uma boa colocação neste concurso eu aconselho um Curso Preparatório para Concursos Online, mais especificamente o Gran Cursos Online.

Antes de mais nada, se você não conhece o Gran Cursos, veja esta postagem: Gran Cursos É bom?

 

Resumo do Concurso
  • Concurso: Polícia Federal (PF)
  • Data de Inscrição: De 22 de Janeiro a 09 de Fevereiro 2021
  • Data das Provas: 21 de Março de 2021
  • Escolaridade: Nível Superior
  • Número de vagas: 1.500 vagas
  • Remuneração: Até R$ 24.150,74
  • Banca Examinadora: Cebraspe

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + 12 =